Segurança de dados: Sua empresa está pensando nisso.

Atualizado: Mai 21

É muito comun ouvirmos noticias sobre empresas que sofreram ataques de vírus, hacker ou sequestro de dados em grandes corporações ou até mesmo em orgão publicos, como aconteceu no final de 2020. O mais preocupante hoje é que esses ataques tambem estão atingindo empresas de pequeno e médio porte, devido a sua vulnerabilidade e o aumento do trabalho em home office, por causa da pandemia do covid19.


Estudos monstram que ataques cibernéticos em redes industriais e infraestruturas críticas no Brasil crescem 860% em 2020. A América Latina sofreu mais de 41 bilhões de tentativas de ataques cibernéticos, e no Brasil foram registradas mais de 8,4 bilhões de tentativas de ataques. Só no primeiro trimestre de 2020 foram 1,6 Bilhoes no Brasil.


O que é segurança da informação?


A segurança da informação pode ser descrita como o conjunto de técnicas que são usadas para proteguer os dados de uma empresa contra ataques de hackers e vírus, garantindo que estes não serão roubadas, vazadas ou corrompidas. Estas técnicas normalmente são usadas por empresas de informática, que atuam nas areas de suporte de TI e manutenção de micros.


Quais são os principios da segurança da infomação.


- Confidencialidade

É a forma de garantir que a informação será acessada somente por pessoas autorizadas.


- Integridade

É a condição de garantir que os dados apresentados estão em conformidade com a forma que foram ciradas e arqmazenadas originalmente.


- Disponibilidade

é a garantia de que os dados estarão disponiveis para serem acessados a qualquer momento pelos usuários autorizados.


- Autenticidade

É o processo que identifica e registra o usuário que está acessando, enviando ou modificando a infromação.


- Não repúdio

visa garantir que o autor não tenha como negar que criou, manipulou ou enviou arquivos


Conheça alguma dicas para uma TI segura:


- Crie senhas fortes

Para se proteger dos mais novos métodos de invasão, você precisa de senhas robustas. E se você está se perguntando: "qual é a força da minha senha?", veja algumas dicas de como criar senhas fortes:

Ela é longa? Tente usar pelo menos 10 ou 12 caracteres, ou o máximo possível.

Ela é difícil de adivinhar? Evite sequências, como "12345" ou "qwerty", pois elas podem ser hackeadas por força bruta em segundos. Pelo mesmo motivo, evite também palavras comuns ("senha1").

Ela tem tipos variados de caracteres? Letras minúsculas e maiúsculas, símbolos e números devem fazer parte da senha. A variedade pode tornar a sua senha mais imprevisível.

Substituições óbvias de caracteres são evitadas? Por exemplo, usar o número zero "0" no lugar da letra "O". Essas substituições já estão codificadas nos softwares de hackeamento atuais. Então, evite isso.

A senha usa combinações de palavras incomuns? As senhas podem ser mais seguras se usarem palavras inesperadas. Mesmo que você use palavras comuns, é possível organizá-las em uma ordem estranha e certificar-se de que não estejam relacionadas. Ambos os métodos podem neutralizar os hackeamentos baseados em dicionários.

Você consegue memorizá-la? Use algo que faça sentido para você, mas que será difícil para os computadores adivinharem. Mesmo senhas aleatórias podem ser lembradas pela memória muscular, sendo semilegíveis. Mas senhas que impeçam o seu acesso não ajudam muito.

Você já usou a senha antes? Reutilizar senhas compromete várias contas. Use sempre algo original.

A senha apresenta uma regra difícil de ser adivinhada por computadores? Um exemplo pode ser uma senha de três palavras com quatro letras cada, onde as duas primeiras letras de cada palavra são substituídas por números e símbolos. Por exemplo: "?4sa#2to?6da" em vez de "casagatovida".

(https://www.kaspersky.com.br/resource-center/threats/how-to-create-a-strong-password)


- Invista em software de proteção

Investir em tecnologia deveria ser uma obrigação de qualquer empresa que deseja evitar ataque de virus e hackers e proteger seus arquivos. Porém, em muitos casos, a aplicação de ferramentas para este fim não tem sido feita com a preocupação e seriedade que deveria.

Alguns cuidados que você deve tomar ao usar redes, independentemente da tecnologia, são:

  • mantenha seu computador atualizado, com as versões mais recentes e com todas as atualizações aplicadas;

  • utilize e mantenha atualizados mecanismos de segurança, como programa antimalware e firewall pessoal;

  • seja cuidadoso ao elaborar e ao usar suas senhas;

  • utilize conexão segura sempre que a comunicação envolver dados confidenciais;

  • caso seu dispositivo permita o compartilhamento de recursos, desative esta função e somente a ative quando necessário e usando senhas difíceis de serem descobertas.

- Faça backup

Por mais que você tenha se proteguido, é bom ter uma cópia dos dados, para sua segurança. Hoje existem casos de sequestro de dados, que só se resolvem com a reposição dos dados pela cópia de segurança. Esse foi o caso do ataque ao Supremo Tribinal de Justiça.


Existem alguns tipos de backup, sendo eles:

  • Backup completo

  • Backup incremental

  • Backup diferencial

  • Backup diário


Locais para armazenar seu backup

  • Pendrives

  • HD externo

  • Nuvem

  • RAID


Maneiras de automatizar os backups

Fazer backups rotineiramente e de modo manual é muito trabalhoso e pode gerar muitos erros. Por isso, você precisa usar ferramentas de automação para esse importante processo.

Alguns dos softwares que podem ajudar você nesse processo são:

  • Acronis Backup;

  • Paragon Backup;

  • Backup Maker;

  • Uranium Backup;

  • Comodo Backup;

  • Penso Cloud Backup.

(https://rockcontent.com/br/blog/backup/)


- Use a tecnologia como sua aliada

A forma como as organizações investem em segurança da informação tem mudado com a transformação digital cada vez mais presente no ambiente corporativo.


Com o auxílio das novas tecnologias, como a Inteligência Artificial, já é possível automatizar diversos processos de cibersegurança nas empresas, identificar vazamentos de informações, evitar falhas e fortalecer a segurança de seus sistemas.


Portanto, é importante que a sua organização use a tecnologia como aliada e adote ferramentas confiáveis que garantam a segurança completa dos dados.



Essas e outras técnicas podem ser aplicadas por uma boa empresa de informatica, que através de um contrato de manutenção de micros, pode atuar como suporte de TI, e torna sua empresa mais segura.


Byte Soluções em Tecnologia é uma empresa de informatica especializada em suporte de TI e Segurança da informação, e está pronta para lhe ajudar em suas demandas. Entre em contato conosco.


9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo